Bullying, Sempre Fui Sua – Resenha

Houve um tempo em que eu me envergonhava e escondia meu amor por romances românticos. Mas isso já não me afinge e hoje irei falar de um romance que cativou meu coração. Bullying de Penelope Douglas.

tumblr_o5oc9vYb7G1rma101o1_500Esse livro faz parte de uma série onde conta a história de 3 casais, com foque maior no casal de Bullyng Tate e Jared. Sim, abrindo uma nota para “é um romance apimentado para jovens adultos”.

Esse livro então vai contar a forte história de amor entre dois adolescentes, que sempre encontraram suporte um no outro enquanto criança, e de melhores amigos se tornaram piores inimigos. Tate e Jared tinham uma amizade muito inocente, pura e verdadeira. Mas algo aconteceu transformando Jared num valentão que tinha o principal objetivo irritar a pobre Tate. Tempos passou e agora são dois jovens, totalmente crescidos e prontos para lidar com a vida adulta e seguir seus respectivos caminhos, bom, isso é o que Tate achava pelo menos.

“Planejei ficar longe dele esta noite, e agora ele estava logo atrás de mim. Jared fazia coisas desse tipo apenas para me intimidar. Ele não era assustador, mas era cruel, queria que eu soubesse que ele estava no controle”.

tumblr_o5t51f2WXp1tdymm0o1_400Confesso que ao ler um romance romântico algumas pessoas tendem a torcer o nariz ou achar muito monótono ou  algo assim. Mas eu acredito que romances tratam sobre algo muito crucial que é muitas vezes deixado de lado em diversos outros livros, a emoção. A construção de uma emoção e de sentimentos de personagens é muito mais palpável e rica em romances e obras mais pessoais.

“Você era meu temporal, as nuvens carregadas, minha árvore no aguaceiro. Amava tudo aquilo e te amava. Mas agora? Você é uma merda seca. Achava que todos os idiotas dirigissem carros alemães, mas parece que os babacas de Mustang também sabem deixar cicatrizes.”

E é isso que encontramos nesse livro. Tate é uma menina com garra fibra e determinada, não se deixa afetar por qualquer cosia e é muito independente. Porem, apesar de tudo cultivou um amor muito grande por seu vizinho de casa, um sentimento tão forte que o tempo não conseguiu apagar.  Mas ela é madura, linda e inteligente, e depois de uma viagem ao exterior ela volta mais determinada possível para tomar as rédeas de sua vida e tumblr_o5ngckmh2m1smqfiko1_500ignorar o babaca que sue amigo de infância se tornou.

Em contrapartida Jared é uma bagunça, um menino lindo (claro), garanhão da escola que não tem ideia pra onde vai levar sua vida nem controle dos seus sentimentos para com a sua vizinha que ele considera mimada. Ele sofre por um problema muito grande do seu passado e sua infância problemática.

“No ensino fundamental, brincávamos como imãs, que se atraem quando você os vira para os polos opostos, mas se repelem quando os vira para os polos iguais. Jared era um lado do imã, nunca virado para acompanhar ninguém. Ele era o que era. As outras pessoas que estavam lá eram ou atraídos ou afastados por ele e o fluxo de um lugar refletia isso. Houve uma época em que eu e Jared éramos inseparáveis, como os polos opostos de dois imãs.”

Como deve ter reparado, existem diversos clichês, mas confesso que não me incomodei com nenhum deles, pois nada foi forçado demais. Acredito que isso se deve por consequência de personagens muito bem desenvolvidos na trama. Nesse livro vemos assuntos atuais como o próprio nome ja diz que é o Bully. E apesar de essa ser uma das minhas histórias favoritas eu não poupo palavras para dizer que sim, o livro trata o assunto de uma forma leviana em relação ao que Jared faz com Tate. E que não é justificável a humilhação como forma de chamar atenção de quem se gosta. Isso é horrível, mas felizmente vemos pouco disso na história dos dois que se segue no final da série com um desfecho fenomenal.

tumblr_o59xtktDY41tw5trjo1_500Mas o mais estranho é que eu adoro muito a série apesar de ver diversos defeitos pequenos ao longo da mesma. Em uma esfera ampliada eu amei o amor que existiu entre Tate e Jared, e é isso que eu busco ler quando procuro um romance romântico. Então eu indico para vocês essa pérola que encontrei nos meus grupos de romances, um livro para chorar, se arrepiar e amar junto com os personagens.

Ps: pra você não ficar perdido, esse livro também foi publicado com o nome Sempre Fui Sua, com uma capa completamente diferente. Existe o livro “Until You” que vai contar a versão de Jared da história e o livro final “Aflame” que traz uma história completamente nova uns anos depois de Bullyng.

Informações técnicas: Bullying,Resenha

Sempre Fui Sua.jpgTitulo: Bullying – Sempre Fui Sua (Fall Away #1) Entre o amor e o ódio
Autor: Penelope Douglas
Ano: 2015
Páginas:  368
Editora:Universo dos Livros
Sinopse: Best-seller do The New York Times e do USA Today Primeiro volume da série “Fall Away”, Sempre fui sua narra a história de Tatum Brandt e Jared Trent. Os dois cresceram juntos e se davam muito bem na infância, mas na adolescência essa relação é transformada em um ódio mortal. Jared não perde uma oportunidade de humilhar sua ex-amiga que, pouco a pouco, começa a nutrir um desejo de vingança por ele. Amor ou ódio? Qual será o real sentimento entre os dois? Será que Tate vai perdoar Jared e dar uma chance de reconhecer o seu verdadeiro amor? Será que, na verdade, ela sempre foi dele?

Anúncios

2 pensamentos sobre “Bullying, Sempre Fui Sua – Resenha

  1. Confesso aqui que amo ler aqueles Romances de banca, sabe? Que esse preconceito acabe logo, porque cada livro tem uma historia gostosa pra nos envolver 🙂

    Curtir

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s