Em Algum Lugar nas Estrelas – Experiências/Resenha

Em algum momento você pode descobrir que as estrelas são o povo do fogo sentados no ar, que as vezes se misturam e guiam viajantes e andarilhos. Na sua breve passagem nessa terra você pode descobrir cores, texturas e sons em números. Buscar um objeto perdido, e ser encontrado por ele. Ou talvez, você pode ser uma das coisas mais especiais que podemos ser, amigo de alguém. E quem sabe ainda, você pode ser o guia, uma estrela, que pode levar outro alguém para casa.

“Os que quase se deixam consumir pela caçada, os desesperados, digamos, por aquilo que acham que procuram, normalmente estão bem longe do que de fato estão procurando. É verdade, também, que às vezes eles não estão procurando nada, mas fugindo de alguma coisa.”

Na minha vida eu ja fui como Jackie Baker, desconfiada, mais egoísta e com umas ideias meio erradas sobre si mesmo e as pessoas a minha volta. E como Jackie já encontrei alguém como Early que me mostrou mais magia e mistério aonde pessoas viam pó e loucura. Mas foi com Clare Vanderpool que, mergulhando em sua historia, pude automaticamente ver um pouco do meu passado e refletir um pouco cosias da minha vida.

Alguns livros são ruins, alguns livros são bons, alguns livros só servem para preencher prateleiras, alguns livros servem para você conhecer coisas novas, e outros livros servem para você conhecer mais coisas dentro de você, com coisas de outras pessoas.

“Às vezes, é melhor não ver todo o caminho que se estende diante de você. Deixe a vida surpreendê-lo, Jackie. Há mais estrelas por aí do que as que já têm nome. E todas são lindas.”

Olhando para as estrelas eu vejo também, alem do Cruzeiro do Sul, Ursa Maior e Orion. Um punhado de corpos celestes que podem ser representados por corpos terrestres, que se juntam e se misturam e as vezes, quase sempre, criam coisas extraordinárias.

Eu já havia aprendido há algum tempo que a amizade é algo que não se pode forçar, não se pode criar do nada. Existe algo magico em duas pessoas se entenderem, se compreenderem e se ajudarem a encontrar o caminho para casa, o caminho certo. E eu já vivi um tipo de amizade, que me fez entender assim como Jackie entendeu, que as vezes nossa vida se choca com outra vida. E aonde você só vê diferença, depois de um tempo você entende como foi cego em relação a varias coisas. É incrível como algumas amizades florescem de forma orgânica e sem pressão, e que quando você se da conta, a outra pessoa aceitou tudo o que você é, com defeitos e qualidades. E o mais estranho, você aceitou tudo da outra pessoa de volta.

“De alguma forma, eu me envolvia com as histórias que Early contava sobre Pi, começava a tentar adivinhar como os limites entre história e vida real se fundiriam. Vagávamos, há dias, entrando e saindo da trilha Apalache, e agora ali estávamos procurando o grande urso. E tudo isso começava a parecer cada vez menos maluco. Eu estava ficando preocupado.”

Early é diferente, é mutias vezes excluído e tem pensamentos que ninguém entende. Nem mesmo Jackie, quando está perdido molhado no escuro, com nada alem desse pensamento estranho para o guiar. Algumas coisas levam tempo mesmo. Algumas pessoas que você não vê que estão perdidas, precisam ser levadas de volta.

Um livro fascinante e inebriante, que acrescenta cor, textura, som e uma nova perspectiva sobre amizade, perdas e finais. Uma inocência adulta, resgatada de forma sublime para crianças crescidas que precisam ser relembradas de alguns ensinamentos que aprenderam, mas que por motivo ou outro acabaram esquecendo.

“Ligar os pontos. Minha mãe dizia que olhar as estrelas tinha a ver com isso. “lá em cima é como aqui embaixo, Jackie. Você precisa procurar as coisas que nos conectam. Encontrar os jeitos com que nossos caminhos se cruzam, nossas vidas se interceptam e nossos corações se encontrem”

Em Algum Lugar Nas Estrelas me fez tão bem que eu vou guarda-lo no coração, assim como a pequena duzia de livros que levo na alma, e rega minhas ideias. Que vez ou outra vou ser obrigada a reler para me ensinar novamente algumas coisas que eu sei que vou perdendo com o tempo.

\scriptstyle{\pi}

IMG_0938IMG_0880IMG_08993,14159 26535 89793 23846 26433 83279 50288 41971 69399 37510 58209 74944 59230 78164 06286 20899 86280 34825 34211 70679 82148 08651 32823 06647 09384 46095 50582 23172 53594 08128 48111 74502 84102 70193 85211 05559 64462 29489 54930 38196 44288 10975 66593 34461 28475 64823 37867 83165 27120 19091 45648 56692 34603 48610 45432 66482 13393 60726 02491 41273

Poema de Elaine Gallagher do Kansas, 1928
A Beleza de uma Única Estrela
As estrelas em seus cursos

Iluminam e guiam,
viajantes e andarilhos
para seguirem adiante.
Mas antes de Plêiades e Orion,
Antes de menores e maiores,
Eram só estrelas em seus cursos,
Cantando seus louvores.
Em uma só estrela há beleza suficiente,
Pura admiração, fascínio e esplendor,
Para levantar os olhos, estender os braços, 
E permanecer, humilde,
agradecidos por elas de fato. 


Informações técnicas: Em Algum Lugar nas Estrelas, resenha

CAPA-Em-Algum-Lugar-Nas-EstrelasTitulo:Em Algum Lugar nas Estrelas
Autor: Clare Vanderpool
Ano: 2016
Páginas: 284
Editora: DarkSide Books
Sinopse:EM ALGUM LUGAR NAS ESTRELAS é um romance intenso sobre a difícil arte de crescer em um mundo que nem sempre parece satisfeito com a nossa presença. Pelo menos é desse jeito que as coisas têm acontecido para Jack Baker. A Segunda Guerra Mundial estava no fim, mas ele não tinha motivos para comemorar. Sua mãe morreu e seu pai… bem, seu pai nunca demonstrou se preocupar muito com o filho. Jack é então levado para um internato no Maine (o mesmo estado onde vivem Stephen King e boa parte de seus personagens). O colégio militar, o oceano que ele nunca tinha visto, a indiferença dos outros alunos: tudo aquilo faz Jack se sentir pequeno. Até ele conhecer o enigmático Early Auden.EM ALGUM LUGAR NAS ESTRELAS é uma daquelas grandes histórias que permanecem com você por muito tempo, perfeita para ler entre amigos ou passar de pai para filho. Tudo que é real pode ser uma grande fantasia ou uma coincidência inevitável. Somos muito mais que um simples desejo do acaso. Nossos caminhos vão se cruzar no primeiro semestre de 2016 nesta obra premiada com o Printz Honow Award em 2016, indicada a outra dezena de prêmios e eleita o livro do ano em dezenas de listas preparadas pelos leitores.

Anúncios

9 pensamentos sobre “Em Algum Lugar nas Estrelas – Experiências/Resenha

  1. Naturalmente, qualquer coisa que se refira à estrelas chama a minha atenção. Quando vem acompanhado de um texto tão interessante, melhor ainda. Estou buscando esse livro agora 🙂

    Beijos e obrigada!

    Curtir

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s